jump to navigation

iCheckMovies e Orangotag: como organizar o que você tem visto por aí 31 de janeiro de 2012

Posted by Cássia Alves in Interwebs.
Tags: , , , , , , , , ,
add a comment

Em tempos de GetGlue, checkins e compartilhamentos das coisas pelo Twitter ou Facebook, sites como o iCheckMovies e o Orangotag perderam muito espaço. Mas eu os considero geniais e não consigo deixar de usá-los. Por um simples motivo: eles me fazem organizar o que quero assistir. Vou explicar um pouco melhor.

Eu me tornei uma cinéfila de carteirinha. Culpa do Salada de Cinema e da Camila. Porém, isso me fez ter que compensar muitos filmes que eu gostaria de ver e faltavam na lista, classicões mesmo. No icheckMovies, eles listam alguns dos principais filmes por década, premiação, listas de sites e revistas famosos, como da Empire, ou filmografias de grandes diretores, como do Hitchcock, por exemplo.

Com essas falhas cinematográficas, o site me ajuda muito com uma ferramentinha chamada “checklist”. Clico em um pequeno símbolo “+” que aparece na página de cada filme (ao lado da caixa de check, onde você sinaliza o que já viu; e onde aparece também uma mãozinha de like e outra de dislike), e assim vou selecionando o que tenho que ver. Quando vou atrás de alguma coisa pra assistir, sempre dou uma olhada nas minhas listas pra ver o que ainda falta.

Já o Orangotag, específico pras séries, tem um banco de dados com todos os episódios que já foram ao ar. Você primeiro inclui o que assiste na sua lista e vai dando check nos episódios que já viu. Ainda rola assinar o rss da página da série e receber um aviso sempre que tem episódio novo na área. Uma das coisas legais deles também é poder ver coisas que seus amigos assistem. Sempre tem aquele seriado que você demora pra descobrir que existe até um amigo chegar e dizer que é o melhor em tempos. Lá, o serviço é direto e reto!

Ele foi sensação por um tempo, uma galera usava. Mas o Getglue é mais ~descolado~, e assim o Orangotag foi deixado de lado. Bom, eu sou hipster e continuo lá, apesar de estar meio relapsa com as minhas séries, não conseguindo assisti-las mais  numa ordem que faça sentido e que eu possa organizar o que já vi. Mas tento manter o mais atualizado que minha memória permite! hehe

Se você precisa de um lugar pra organizar sua vida cinéfila e de vício em séries, fica minha dica. Aproveitem! 😉

#musicmonday – Cérebro Eletrônico (@cerebrais) 30 de janeiro de 2012

Posted by Cássia Alves in #musicmonday, Música.
Tags: , , , , , , , , , , ,
add a comment

Conheci o Cérebro não faz muito tempo. Fiz um intensivão sobre eles com um documentário da faculdade sobre as bandas do Baixo Augusta. E desde então, é uma das bandas brasileiras que mais consta na minha lista. Claro, depois do documentário tive uma fase que parei de ouvir, porque é bem tenso ouvir a mesma música na edição de um vídeo… hehe

Eles são meu #musicmonday dessa semana porque comemoram 10 anos de estrada e farão um show especial no SESC Pompéia dia 16 de fevereiro, com vários artistas amigos e que ajudaram e influenciaram a banda. Quer saber mais sobre o show? Tá aqui no site do SESC. Estarei lá!

Bom, a música escolhida é Cama, do último disco lançado por eles em 2010: Deus e o Diabo no Liquidificador:

Porque o filme do Tintin é ótimo 28 de janeiro de 2012

Posted by Cássia Alves in #ficadica, Cinema.
Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,
2 comments

*Atenção: este texto pode conter spoilers.

Ontem fui à sala IMAX do Shopping Bourbon para me encontrar com um pedaço da minha infância. Já tinha ido à sala no início do ano passado, para ver Tron:Legacy. Coincidentemente, retornei em janeiro para ver algo que remetia aos meus tempos de criança. Além do cinema mais legal da cidade, com aquela sensação incrível de assistir a um filme em alta definição, “As Aventuras de Tintin: O Segredo do Licorne” é um deleite para os fãs que amavam as aventuras do jornalista belga.

Logo no início do filme, lembramos do início do desenho ou do gibi, com Tintim no mercado de pulgas – porém, dessa vez com um desenhista (uma referência e uma homenagem ao próprio Hergé) fazendo um retrato do repórter, que sai no traço do original. Enqunto a cena rola, outras imagens de outros personagens da série são mostrados nos desenhos do artista do mercado de pulgas. Já comecei emocionada.

A partir daí, as referências não param mais. Spielberg e Peter Jackson fizeram adaptações para sua versão da história de Tintin, buscando trechos de outros gibis para compor a história, como “O Caranguejo das Tenazes de Ouro”. Confesso que tive um pouco de medo da mistura, mas tudo foi muito bem encaixado e não agrediu a integridade da história de Hergé e preservou a criatividade da dulpa Spierbielg/Jackson.

Outra parte muito boa é quando Tintim descobre o pergaminho escondido no mastro do modelo do Licorne e entra em uma espécie de escritório em seu apartamento, em busca de uma lupa. Neste escritório, as paredes estão repletas de reportagens que remetem a outros gibis de Tintim, contando suas aventuras e grandes reportagens. Outro destaque é o trabalho de computação gráfica: os personagens ganharam vida e se eu tivesse imaginado-os reais, seriam mais ou menos assim. Um exemplo é o Alan, o imediato do Capitão Haddock e os detetives Dupont e Dupond:

No mais, é filme de aventura, como Spielberg gosta de fazer. E um filme precioso e para fanboys, respeitando o que Peter Jackson sabe fazer de melhor! 🙂 Nem preciso dizer o quanto recomendo, não é?

(Obs: as imagens do post foram retiradas do tintimportintim.com, o blog que só fala de Tintim. Um grande achado nessa vida!)

#petday 26 de janeiro de 2012

Posted by Cássia Alves in Pets.
Tags: , , , , , ,
add a comment

Olhem que fofurinha!

(via A Casa está cheia de Flores)

Gifs! 24 de janeiro de 2012

Posted by Cássia Alves in Interwebs.
Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , ,
2 comments

Há uns tempos, surgiu a moda dos gifs. Primeiro, começou com aquelas imagens com brilhos e frufus que o pessoal postava nos recados do Orkut. Depois, começou a fase senorgif e as imagens animadas mais engraçadas ever. Depois, foram trechos de filmes, clipes e até alguns artísticos. Quem me conhece pessoal ou virtualmente, sabe o quanto gosto e compartilho. Por isso, nada mais justo do que dedicar um post aos meus preferidos! 🙂

Artísticos:

 

Divertidos:

Dimensional Dropping GIF - Dimensional Dropping

Hurt Building GIF - Hurt Building

Bônus track: humor + seriados =D

Menção honrosa aos tumblrs If we d0n’t, remember me e o da fotógrafa Jamie Beck, que possuem imagens lindas de cinema e fotografia, respectivamente:

(do filme O Sétimo Selo)

Espero que tenham gostado! 🙂

%d blogueiros gostam disto: